(Mário Quintana)

Google Custom Search



domingo, 25 de fevereiro de 2007

Minha Dica de Hoje: Rita Lee

© Walmir Lima

Quem me conhece sabe que eu gosto de compartilhar as sensações que me causam um texto literário, um filme, uma música, uma pintura, ...uma obra de arte.

Assim, de vez em quando, vão aparecer aqui as 'Minhas Dicas' e sugestões.

Hoje, quero falar de Rita Lee cantando os Beatles...


Descobri um CD da Rita Lee, de 2001, do qual eu nunca havia ouvido falar.

É um verdadeiro primor de bom gosto e beleza, cujo título é:

'Aqui, Ali, em Qualquer Lugar'

(tradução literal para a linda 'Here, There, and Everywhere', dos Beatles)

Nele, a Rita consegue cantar Beatles em Bossa Nova e outros ritmos com uma suavidade e beleza surpreendentes.

Um disco antológico que não pode faltar nem passar despercebido a nenhum amante da boa música.

Pode ser difícil de se encontrar, mas vale a pena procurar.

Marcadores: ,


Links para esta postagem

sábado, 24 de fevereiro de 2007

Soneto X - by Ernesto

© Walmir Lima
Ernesto Dias Jr.

Prometí publicar o Soneto X, do Ernesto, que tem o título Evolução. E aqui vai.

Este soneto é um exemplo de como ele consegue se inspirar para escrever uma poesia, simplesmente extraordinária, a partir de um tema acadêmico como a Teoria da Evolução, de Darwin, que comentava em seu Blog .

Seguem, também, abaixo dele, os comentários que fiz, por irresistíveis, naquela oportunidade...

Evolução

Que lindo é ver brotar a vida inteira
Da prima lama pelo sol batida
E fustigada pelo raio acima
Ser para o Homem ponto de partida

Vírus, macacos, antas e morcegos
Musgos e flores numa sinfonia
Mutantes vivos e viventes cegos
Evoluindo sem saber por que

E se há vícios nessa teoria
E se a professa um bando de ateus

E se não vê em Darwin poesia
O padre pio clamando por um Deus

Não entenderam que Ele fez a larva
E com amor tocou-a e disse: Sonha!

Ernesto Dias Jr.

Comentários no Assertiva - Matéria: Soneto X - Quarte-feira 14 de Fevereiro de 2007.

Walmir Lima disse...

Meu caro amigo Ernesto, já te falei do quanto gostei dessa poesia - e sou suspeito pra falar - mas gostaria de registrar aqui que nesses nossos quase quarenta anos de amizade e testemunho essa é uma das tuas criações que mais admiro. Tua obra é linda e espero que continue fluindo cada vez mais. Um abraço.
16 Fevereiro, 2007

Eeeeh, Véio, acho que meu sub-consciente queria esconder nossa idade... Andei fazendo as contas e vi que nossa amizade já é de MAAAIS de quarenta anos... Tem assunto pra encher nossos Blogs por muuuito tempo.

Quanto à tua poesia, me faz pensar que você é a verdadeira prova de que a Teoria de Darwin está certa - o Homem é mesmo fruto de uma evolução contínua rumo ao sublime...Pensa e Sonha!!!

Ernesto Dias Jr.: Saiu dos cafundós da periferia do Golf Clube de São Vicente para se tornar gênio da Eletrônica além de ser capaz de escrever sonetos e poesias lindas como esta.

Sorrí, Mário Quintana, onde estiveres! Requiestat in pace! A arte continua viva em teus pares.
17 Fevereiro, 2007

Marcadores:


Links para esta postagem

Relatividade.

© Walmir Lima
Qualquer dia, qualquer hora, tempo e dimensão...o futuro foi agora, tudo é invenção.
(Lenine, cantor e compositor - trecho da música Tudo por Acaso.)

Marcadores: ,


Links para esta postagem

Escrivinhando.

© Walmir Lima
Vejam essa inédita do Ernesto que tenho o privilégio de publicar...

Outro dia, quando comentei no Assertiva o quanto gosto do seu Soneto X - e, aí, citei Mário Quintana como seu par - o Ernesto me chamou de desvairado.

Não tem nada de exagero ou desvario, não.

Basta ler o Soneto X, que vou publicar aqui, em breve, para qualquer cristão, com um mínimo de sensibilidade e gosto literário, perceber a mesma argúcia, o mesmo humor e genialidade em ambos.

Quer outro exemplo? Essa ele fez, de espirro, conversando comigo ao telefone, às altas da madrugada, zombando ao perceber que eu escrevia, atrapalhado, no meu Blog.

Que preciosa!

Escrivinhando
(por Ernesto Dias Jr. - 19/02/2007)

Coisas de vento
que arrasta palavras
bem dentro, bem dentro

Vento que varre
embaralha letrinhas
no meu pensamento

Baralho bem gasto
nas mãos de um menino
bem lento, bem lento

São minhas palavras
que escapam vadias
mas tento, mas tento.

Marcadores: ,


Links para esta postagem

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2007

Ernesto Dias Jr.

© Walmir Lima
O Ernesto é fruto de um erro Divino... Eu explico....

Deus vinha, num daqueles dias, cumprindo sua tarefa de povoar a Terra, produzindo homens em série, por atacado. Produzia aos milhares. Todos iguaizinhos... e medíocres.

Quando chegou na vez do Ernesto, distraiu-se por um segundo....e, então, disse:

- Upa! Errei.

Marcadores:


Links para esta postagem

Bloguei. Por que bloguei?

© Walmir Lima
Barcelona, Dezembro de 2004

Graças à Dora, minha psico-parteira (profissão que nem ela sabia que tinha), fui trazido à luz da razão. Entendi que devia procurar um meio de extravasar meu ser e minha criatividade – há tanto tempo bloqueados.

Percebi que um Blog não só poderia satisfazer àquelas minhas carências e necessidades: seria também um caminho para eu dizer aos meus filhos, Hector, Thiago, Angela e Piero, agora já adultos e distantes, um pouco mais de mim e de nossa história. Graças às idas e vindas, agruras e desencontros da vida, não tive tempo, coragem ou desbloqueio.

Espero que um dia eles o leiam e, depois deles, meu neto Antonio e também Luiz Henrique - ainda que como memórias póstumas ou legado de sua origem. Terei realizado um sonho, mesmo que não entendam ou gostem.

O Centauro também irá satisfazer outro desejo antigo: o de divulgar, em forma de gotas, a maravilhosa obra literária de Mário Quintana – O poeta que sacou a vida.

É uma jornada, e vocês estão convidados.

Marcadores: ,


Links para esta postagem

quarta-feira, 14 de fevereiro de 2007

Meu sonho de consumo (Postagem Teste)

© Walmir Lima

Nave Estelar Centauro IV

Hoje é o primeiro dia do resto de minha vida em busca da felicidade.

Marcadores:


Links para esta postagem